Facebook

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Copasa explica desabastecimento em Salinas

Peça de 400mm só foi encontrada em Belo Horizonte
Em entrevista ao Jornal Folha Regional, o engenheiro de Produção e Operação da Copasa de Salinas, Felipe Marchisotti de Souza, explicou o motivo da falta de água na cidade de Salinas desde às 12 horas de terça-feira, 25 de janeiro. “Tivemos problema com uma peça da adutora na estação de captação, que rompeu com a pressão, e a peça de 400 milímetros só foi encontrada em Belo Horizonte”, explicou Felipe.

A peça chegou à Salinas ontem (27/01), por volta das 11 horas e a troca foi finalizada às 19 horas, quando a captação e o tratamento foram reiniciados. “A cidade consome seis milhões de litros por dia e por isso o abastecimento não foi normalizado totalmente”, explicou Felipe, informando que hoje por volta da meia noite a água deve chegar a todas as residências, para isso vai operar até no intervalo de ponta da Cemig, das 18 às 21 horas.


Felipe também explicou que inicialmente a água chega com a cor amarelada devido à oxidação da tubulação sem água, mas água está devidamente tratada. “As pessoas podem dar descarga na rede até a coloração voltar ao normal, mas a água é potável”, garantiu.

3 comentários:

  1. Deveriam no mínimo, ter peças de reserva, para não passarmos por essa situação novamente. Empresa séria, sqn.

    ResponderExcluir
  2. " As pessoas podem dar descarga na rede até a coloração voltar ao normal, mas a água é potavel"! É brincadeira né? Manda o povo ir dando descarga e jogando dinheiro literalmente pelo ralo.
    "Uma água é dita potável quando é inofensiva a saúde do homem, agradável aos sentidos e adequada aos usos domésticos. Nestes termos, por exemplo, uma água quente, embora possa ser inofensiva a saúde, não pode ser considerada potável, da mesma maneira que uma água com elevado teor de dureza que, nestas condições, irá atrapalhar significativamente o desempenho das tarefas domésticas. É importante para que uma água seja considerada potável, que na fase de tratamento eliminem-se todas as substâncias originalmente presentes que lhe confiram algum gosto ou cheiro peculiar. Paralelamente também não devem resultar alguma turbidez ou cor visuais." Fonte: http://www.dec.ufcg.edu.br/saneamento/Agua08.html

    ResponderExcluir
  3. Copasa e cemig ambos são uma milícia

    ResponderExcluir