Programas pedagógicos contribuem para queda do analfabetismo em Minas

Neste Dia Mundial da Alfabetização (08/09), Secretaria de Educação mostra avanços obtidos com ações instituídas nas escolas do Estado
Minas Gerais segue a tendência nacional de queda na taxa de analfabetismo, principalmente entre crianças com idades entre 10 e 14 anos. Segundo a diretora do Ensino Fundamental da Secretaria de Estado de Educação (SEE), Eleonora Paes, a implantação de programas pedagógicos específicos é um dos componentes para a redução do número de analfabetos no estado.

O decréscimo é constatado na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), do IBGE. Em 2014, o índice de pessoas que não sabiam ler nem escrever na faixa etária de 10 a 14 anos era de 1,1%, em Minas Gerais, enquanto no Brasil o índice era de 1,8%.

No mesmo ano, o país apresentava taxa de analfabetismo de 8,3% entre os adolescentes com 15 anos ou mais. Já em Minas Gerais, o percentual na mesma faixa etária era de 7,1%.

Se os índices acima forem comparados com os de 2010, o analfabetismo caiu de maneira geral. Naquele ano, o Brasil apresentava taxas de 12,4% (para faixa etária de 15 anos ou mais) e 3,9% (entre 10 e 14 anos). Em Minas Gerais, os índices eram respectivamente de 11,7% (15 anos ou mais) e 1,7% (faixa etária entre 10 e 14 anos).

Já tivemos muitos avanços, mas os desafios ainda são grandes”, observa Eleonara Paes. Nesta quinta-feira (8/9) é celebrado o Dia Mundial da Alfabetização, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) e Unesco com o objetivo de fomentar a alfabetização pelo mundo.

A Escola Estadual Ana Faria, em Pedra Azul, tem 26 alunos no Acompanhamento Pedagógico Diferenciado. A maioria, segundo a vice-diretora Márcia Andrade, com defasagem na leitura, escrita e interpretação. “A frequência e o interesse dos alunos nas atividades são grandes”, observa Márcia, que  ressalta a importância de dar aos alunos com dificuldade no aprendizado condições de acompanhar os colegas da mesma faixa etária.

Comentários

Mais lidas da Semana

Foguetes explodem em supermercado de Matrona

Outra tragédia na BR-251