Facebook

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Assaltantes derrubam motoqueiro para levar o veículo

Detão quebrou a perna e sofreu escoriações
A violência em Taiobeiras é cada vez pior...

Na noite de terça (24/01), por volta das 21 horas, o serralheiro Gildete Ângelo, popular Detão, de 37 anos, transitava em sua motocicleta Honda Titan 150, cor azul, pela estrada vicinal que liga Taiobeiras à comunidade de Barreiro, quando, de repente, saiu dois homens do matagal e deu um tiro pra cima, assustado, Detão perdeu o equilíbrio e caiu em alta velocidade.

Logo depois, os bandidos gritaram para ele virar as costas e correr, mas Detão havia sofrido muitas escoriações e quebrado a perna esquerda. Mesmo assim, ele conseguiu se levantar e saiu pulando para dentro do mato.

Os dois bandidos ligaram a moto e evadiram sentido à comunidade de Tinguim. Por sorte, o local tem sinal de celular e Detão conseguiu acionar o socorro de familiares, que o levaram para o Pronto Socorro.

Até o momento não existem suspeitas dos autores.


3 comentários:

  1. cadê que a policia não resolve esses problemas?

    Estamos a mercê desses bandidos porque não tem quem protege o cidadão de bem.

    #Revoltado

    ResponderExcluir
  2. Caros Cidadãos da Cidade de Taiobeiras e região, vocês terão que reagir os bandidos irão comandar a cidade de vocês. em quanto vocês ficam trancados dentro de casas, e de braços cruzados nada vai ser feito. Organize uma manifestação em massa cobra das autoridades alguma providencia. Cada dia é um caso de violência, é uma pena uma região como essa está em estado de calamidade com a violência.

    ResponderExcluir
  3. Que coisa heim! Mais uma vítima, até quando? População de Taiobeiras até quando vocês vão suportar tudo isso? Cada dia uma notícia de assalto. E nada é feito, cadê os bandidos?

    ResponderExcluir