Facebook

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Produtores de cachaça esperam 40 mil pessoas no Festival

Evento terá roteiro gastronômico e orientações técnicas aos empreendedores
Neste fim de semana (14 a 16/07) acontecerá em Salinas a 16ª edição do Festival Mundial da Cachaça. A cidade é conhecida como a capital mundial da cachaça. O evento será promovido na Passarela da Alegria, no Centro da cidade, pela Associação de Produtores Artesanais de Cachaça de Salinas (Apacs), em a parceria com diversas instituições, dentre elas, o Sebrae Minas, que terá stand para atendimentos e orientações técnicas para a melhoria da produtividade dos negócios dos empreendedores presentes.

Outra novidade é o Projeto Travessia, uma expedição que irá levar apreciadores de cachaça, jornalistas, chefs de cozinha e outros profissionais ao universo da bebida. Durante os três dias, a comitiva visitará fazendas produtoras de aguardente, pontos de comercialização e gastronomia, além de conhecer o laboratório de análise físico-química e sensorial do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG), onde é ministrado o Curso Superior de Tecnologia em Produção de Cachaça.

O evento contará com cinco chefs de cozinha mineiros que ficarão responsáveis por levar a alta gastronomia para a praça de alimentação do evento. São eles: Flávio Trombino (Xapuri), Guilherme Melo (Hermengarda), Edson Puiati (consultor e professor), Jaime Solares (Borracharia Gastrobar) e Rodolfo Mayer (Angatu). 

Eventos como o Festival Mundial da Cachaça e o Projeto Travessia auxiliam na divulgação da região e dos seus produtos de origem, além de valorizar a capacidade dos produtores”, ressalta o analista do Sebrae Minas Filomeno Bida, um dos responsáveis pela implantação da marca “Região de Salinas” para as cachaças da região.

De acordo com o presidente da Associação de Produtores Artesanais de Cachaça de Salinas, Eilton Santiago, a programação do festival terá, durante o dia, visitas às fazendas e ao Museu da Cachaça; degustação de pratos típicos e drinks à base da bebida. À noite, na Passarela da Alegria, o visitante poderá conhecer os stands com mais de 50 marcas de cachaça e, em um espaço gourmet, saborear pratos especialmente elaborados.

Os organizadores do Festival esperam cerca de 40 mil pessoas durante os três dias do evento, que terá shows das bandas “Cidade Negra”, “Neto LX” e “Maria Cecília & Rodolfo”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário