Mulher de São João usa as redes sociais para denunciar agressões do ex-marido

Vítima mostra agressão
Na manhã desta sexta (11/08) a funcionária pública Helenice Sampaio, de São João do Paraíso, usou seu perfil no Facebook para fazer a gravíssima denúncia de que vinha sendo agredida pelo ex-marido há 15 anos. Segundo a vítima, as agressões eram físicas, psicológicas e verbais.

Em entrevista ao Jornal Folha Regional, Helenice disse que o ex-marido, um representante comercial, não aceitou o fim do relacionamento e passou a fazer ameaças. “Eu dei um basta por que ele me fazia de escrava”, conta a vítima.

Ela conta que a última ameaça aconteceu no dia 07 de agosto, quando foi à delegacia e pediu medidas protetivas, isso depois de ter feito vários boletins de ocorrência. “Até agora, a Justiça de São João do Paraíso não tomou nenhuma providência e eu estou com medo”, disse Helenice ao Folha Regional.

Conforme a vítima, a situação chegou ao limite no dia 08 de agosto, quando recebeu várias ligações do ex-mario e preferiu não atender. No entanto, Helenice conta que ele se escondeu em sua residência, pois tem a chave, e no momento em que retornou foi surpreendida covardemente com socos pontapés. “Estou sofrendo muito e ele tá solto por aí”, disse.

A reportagem fez contato com o delegado da Polícia Civil de São João do Paraíso, Dr. Everson Moura, e ele informou que o pedido de medida protetiva já foi encaminhado para a Justiça. O delegado também esclareceu que, em caso de novas ameaças ou agressões, a vítima pode ligar para a Polícia Militar para prender o ex-marido em flagrante.

O caso agora terá que aguardar um parecer da Justiça, que, em São João do Paraíso, conta com juiz apenas uma vez por semana. Geralmente é a juíza Flávia Braga, de Taiobeiras, que responde pela Comarca paraisense.
Vítima diz sentir medo e clama por Justiça

Comentários

  1. "Em caso de novas agressões,a vítima poderá ligar para a Polícia Militar,..." conversa do Delegado...EM CASO ASSIM,SENHORAS AUTORIDADES POLICIAIS,RELIGIOSAS,JUDICIÁRIAS,NÃO SERÁ A VÍTIMA QUEM CHAMA A PM,MAS SIM OS FAMILIARES QUE CHAMAM A POLÍCIA PARA PERSEGUIR O COVARDE DO EX-MARIDO QUE MATOU E FUGIU,SÃO OS FAMILIARES QUE CHAMAM O COVEIRO PARA ABRIR OS 7 PALMOS,SÃO OS FAMILIARES QUE CHAMAM O PADRE OU O PASTOR PRA FAZER O CULTO FÚNEBRE OU A MISSA DE CORPO PRESENTE...SÃO OS FAMILIARES QUE CONTRATAM SERVIÇO DE VELÓRIO EM ALGUMA FUNERÁRIA... A vítima,depois de vivenciar tudo isso e tornar público um crime gratuito desse,o que fere demais a sociedade,a vítima estará morta,geada,sendo mais uma vítima de homens que acham que perderam suas coisas(a ex-mulher)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns pelas suas palavras, é isso mesmo, em nosso país a justiça não existe. É uma bosta

      Excluir
    2. Tomara que pega esse infeliz antes que ele a mate! No nosso país não existe leis, e a justiça não faz bota nenhuma, mas tbm minha senhora! Apanhando a 15 anos? Manda esse peste pro inferno! Ou vc gosta de apanhar d covarde?

      Excluir
  2. Né inexplicável como uma cidade considerada pequena em número de habitantes, tenham casos em que a vítima esteja sendo agredida constantemente é ninguém faz nada para ajudar, esperamos que a justiça intervenha antes que seja tarde.

    ResponderExcluir
  3. Não acredito q o esposo fez isso, ela fez o boletim e o mesmo está solto como se n fosse com ele..
    Estou passada��������
    A tá entendi, o acusado e comerciante é isso mesmo produção?
    Absurdo, prende-lo em flagrante quando? Quando ele terminar o q começou?
    Parabéns shr delegado!
    Choquei com o q li!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se ele fez isso com ela é porque ela merecia

      Excluir
  4. NENHUMA MULHER MERECE APANHAR.MUITO TRISTE O ACONTECIDO,MAIS TRISTE LIDAR COM LEIS DA IDADE DA PEDRA.
    MENINA,SE TEM COMO ,MUDE DE CIDADE ANTES QUE ALGO PIOR ACONTEÇA.
    BOA SORTE.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Seis pessoas de Rio Pardo de Minas morreram em acidente na BR-251

Acidente grave deixa mortos e feridos na BR-251

Já são oito mortos e 53 feridos em acidente na BR-251