Paulo Guedes será candidato a deputado federal e vai dobrar com Virgílio Guimarães

Paulo Guedes, prefeito Danilo, Virgílio Guimarães e Ricardo Campos fecham acordo para palanque único
Nas eleições de 2018, o deputado estadual Paulo Guedes (PT) vai se candidatar a deputado federal. E a sua principal dobradinha no Norte de Minas será com o ex-deputado Virgílio Guimarães, que pleiteará uma cadeira de deputado estadual. Eles já estão rodando várias cidades da região. Essa dobradinha já foi feita por 12 anos, quando Virgílio era deputado federal. Com isso, o atual deputado federal Gabriel Guimarães, que é filho de Virgílio, desistirá da política e poderá ser nomeado ainda esse ano como secretário de Estado.

A dobradinha sepulta as pretensões do prefeito Danilo Veloso, de São João da Ponte, que já estava com a campanha nos bastidores. Outro que foi obrigado a recuar é Ricardo Campos, que também era pré-candidato a deputado estadual. Ele estava com a campanha nas ruas há bastante tempo e, inclusive, perdeu o cargo de diretor geral do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste (Idene) por pressão dos atuais deputados, incomodados com sua ascensão política.

O palanque Paulo Guedes/ Virgílio Guimarães também vai afetar a pré-candidatura da professora Marilene Leninha Souza, que foi candidata a prefeita de Montes Claros e chegou a surpreender nas urnas. Ela mantém a pré-candidatura de deputada estadual e pode entrar em rota de colisão em Montes Claros.

Além de dobrar com Virgílio, Paulo ainda articula o reforço de seu palanque com outras candidaturas para a Assembleia. A ideia de Guedes é lançar candidatos a deputado estadual em algumas microrregiões, como o Alto Rio Pardo, onde Virgílio tem pouca influência, fazendo assim frutíferas dobradinhas para carregar votos.

Comentários

  1. Ave Maria, isso só vem aqui na região buscar votos e mais nada.

    ResponderExcluir
  2. Começou a baixaria da política. Vêem recebem os votos e somem.

    ResponderExcluir
  3. Que quadrilha de primeira qualidade. Tranquem as portas. A bandidagem vem com força.

    ResponderExcluir
  4. Quem mexe com essa raça ruim de políticos, só tem interesses próprios e as famosas trocas de favores. Fora o dinheiro que eles comem através das verbas e vantagens que têm. Misericórdia!

    ResponderExcluir
  5. Nunca vi dizer que fizeram alguma coisa para beneficiar o alto rio pardo com algo extraordinário, só conseguem migalhas, para mim o voto não deveria ser obrigatório,só votaria quem quisesse, na política só tem políticos bandidos que não fazem absolutamente nada para as regiões mais sofridas...

    ResponderExcluir
  6. Ciclo de vida como político acabou para PAULO. Toma vergonha o PT já era.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Dose de pinga é motivo de morte em Retiro

Em Taiobeiras, assaltante leva R$ 300 mil em joias

Prefeitura de Rubelita inicia construção de estádio