Márcio Lacerda compra a briga e mantém candidatura

Pré-candidato marca convenção do PSB para sábado, dia 04

O ex-prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB), enviou um áudio a afiliados de seu partido nesta quinta (02/08) afirmando que desafiará a decisão do diretório nacional da sigla e manterá sua postulação ao Governo de Minas Gerais. “Refletindo hoje, dialogando com companheiros mais próximos, decidi manter minha candidatura. Para isso, é muito importante que todos os delegados e todos os apoiadores compareçam à convenção, que será realizada no sábado, dia 4”, afirmou Lacerda no áudio.

Na quarta (01/08), um acordo entre PT e PSB, em nível nacional, determinou que os filiados do PSB se mantenham neutros no 1º turno em relação à disputa presidencial. Para isso, Marcio Lacerda teve a candidatura ao governo mineiro retirada para apoiar a tentativa de reeleição de Fernando Pimentel (PT), enquanto no Pernambuco, a pré-candidatura da petista Marília Arraes (PT) foi preterida para apoio dos petistas ao atual governador, Paulo Câmara (PSB).

O pré-candidato ao Governo de Minas Marcio Lacerda anunciou em coletiva na tarde desta quinta que manterá a candidatura ao cargo, apesar do que foi declarado nesta quarta pelo seu partido. Lacerda recebeu o convite do presidente da legenda, Carlos Siqueira, para concorrer ao Senado, mas refutou a ideia.

Para comprar a briga pela candidatura, Márcio Lacerda alega que o partido precisaria de uma resolução da executiva nacional, composta por mais de 30 membros, incluindo ele. Em nota à imprensa, Lacerda disse que recebeu o comunicado “com indignação, perplexidade, revolta e desprezo".

Comentários

Mais lidas da Semana

Acidentes com mortes na região

PM prende mais um assaltante de banco

Vítima de acidente em Salinas morre no hospital