quinta-feira, 5 de março de 2015

Tráfico em Salinas e moto abandonada em Taiobeiras

Após denúncia feita por populares, a Polícia Militar de Salinas foi ao bairro Vila Aparecida apurar suspeita de tráfico de drogas feito por um indivíduo conhecido por “Bracinho”. Ao monitorar a casa do suspeito, os militares perceberam que o autor saiu em companhia de um jovem. Logo após, eles adentraram em um matagal, ocasião em foram abordados pelos policiais.

O autor estava com cinco pedras de crack e um papelote de cocaína na cintura, sendo preso em flagrante. Em sua residência, os policiais encontraram bucha de maconha dentro de um armário. O jovem que acompanhava o autor foi enquadrado como usuário e declarou que sempre deslocava para o matagal no intuito de comprar drogas.

Moto – Em Taiobeiras, a Polícia Militar foi chamada à Avenida Contorno, bairro Nossa Senhora de Fátima, onde a solicitante de 31 anos informou que uma motocicleta Honda CG 125 Fan, de cor vermelha, placa HDC-9381, foi abandonada em frente a sua residência. Os policiais não conseguiram contato com o proprietário e a moto foi removida ao pátio credenciado.

Norte de Minas poderá ter ação pioneira em tratamento de resíduos sólidos

Parceria entre Sedru e Consórcios visa destinação de resíduos sólidos
Por Andresa Resende
 
O Norte de Minas poderá ganhar um moderno sistema de tratamento de resíduos sólidos com geração de energia. Em reunião com o Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, Política Urbana e Gestão Metropolitana Tadeu Martins Leite, a Asolar Energy, uma empresa que integra a holding espanhola Ecohispanica, recentemente sediada em Montes Claros, propôs a assinatura de um Termo de Cooperação Técnica com a secretaria.

Responsável no Estado de Minas Gerais pela condução do processo de consolidação dos Consórcios Públicos para a Gestão de Resíduos Sólidos, a Sedru foi procurada pela empresa e pelos presidentes dos consórcios intermunicipais (Codanorte, Amams e Ammesf) em busca de uma parceria para a destinação adequada dos resíduos sólidos produzidos na região.

A proposta apresentada pela empresa para o tratamento de resíduos sólidos é baseada na esterilização dos resíduos e transformação da massa orgânica em Biomassa, com recuperação de 90% dos materiais contidos no lixo, sem emissão de gases poluentes e com redução de 20% do volume do resíduo.

A empresa desenvolveu um sistema próprio inovador e pretende implementar um projeto piloto no Norte de Minas, contemplando toda a região, uma vez que, segundo estudo dos investidores, o Norte de Minas gera cerca de 60 milhões de toneladas de resíduos/dia.

O secretário Tadeu Martins Leite disse que este é o início de uma série de discussões que podem gerar investimentos importantes e garantiu o apoio técnico e institucional da secretaria, que já atua diretamente com os municípios na elaboração de projetos de destinação adequada do lixo. Uma equipe técnica da Sedru vai fazer um estudo da viabilidade da proposta apresentada, além de buscar soluções para o licenciamento ambiental para instalação da planta.

quarta-feira, 4 de março de 2015

Sortudo de Taiobeiras ganhou R$ 475 mil na quina

Sorteio foi realizado na cidade de Osasco/SP
Três pessoas acertaram as cinco dezenas do concurso 3728 da quina sorteada ontem à noite, na cidade de Osasco, região da grande São Paulo. O sorteio foi transmitido ao vivo pela REDETV.

Os ganhadores são das cidades de São Paulo/SP, Santo André/SP e Taiobeiras/MG. Cada um desses três sortudos levarão para suas contas a quantia de R$ 475.205,24.

As dezenas sorteadas foram: 06 – 32 – 54 – 71 – 78. A aposta do taiobeirense foi feita na Casa Lotérica Pé Quente, localizada na Praça Dr. José Americano Mendes, nº 168, no Centro de Taiobeiras.

O nome do ganhador ainda não foi revelado, mas a agência da Caixa na cidade já está aguardando o ganhador com o bilhete premiado.

terça-feira, 3 de março de 2015

Sem Teto ocupa área pública e demarcam mais de 200 terrenos. Hoje à noite eles vão para a reunião da Câmara

Aldinéia Cardoso com seus filhos e marido doente: "Não tenho dinheiro pra nada"
Ainda não se sabe a quantidade exata, mas estima-se que cerca de 250 famílias Sem Teto ocuparam uma área no bairro Planalto, localizada atrás do Moto Clube de Taiobeiras. Até ao anoitecer de segunda (02), as famílias permaneciam demarcando os terrenos, inclusive abrindo cavas para iniciar as construções. Algumas famílias já estavam colocando tijolos para iniciar as obras.

O imbróglio foi iniciado no dia 26 de fevereiro, quando o prefeito municipal de Taiobeiras, Danilo Mendes, através de processo administrativo, ordenou que os fiscais da prefeitura demolissem casas irregulares construídas na área. Como as famílias permaneciam nas residências, inclusive com crianças, as máquinas foram desligadas e foi dado um novo prazo para a desocupação: 30 dias.

O prefeito não recuou. As casas só não foram demolidas porquê a Polícia Militar pediu um novo prazo, até que as famílias conseguissem um novo lugar para morar, mas as demolições serão inevitáveis, pois estão irregulares e o prefeito precisa preservar o patrimônio público”, explicou Dr. Rogério Araújo, advogado do município, durante entrevista no programa Debate Transamérica.

Reinaldo com seus filhos e esposa: "Tô aqui há dois meses e não tenho pra onde ir"
Para agravar a situação, os Sem Teto declaram que não receberam nenhum auxílio da Assistência Social. “Ninguém nunca ofereceu nenhuma ajuda pra gente, eles só querem derrubar as casas”, disse José Chagas, de 40 anos, em entrevista ao programa Debate Transamérica.

A reportagem da Folha Regional esteve na área ocupada e ouviu várias pessoas. A situação é de conflito. “Estamos ocupando os terrenos porque não temos condições de continuar pagando aluguel e ainda não estamos recebendo nenhuma ajuda da prefeitura. O prefeito nem aqui vem”, disse Reinaldo Miranda, de 24 anos, pai de dois filhos. “Tem dois meses que estou aqui e não vou sair, pois não tenho pra onde ir com minha mulher e filhos. Não tô tendo nem dinheiro pra pagar os talão de água e luz”, completou.

As Sem Teto Marly Rodrigues, de 43 anos e Neuma Cardoso, de 40 anos, vivem situações semelhantes. Elas possuem quatro filhos e estão com os maridos doentes, um com problemas nos rins e outro com epilepsia, respectivamente. “Nós não temos dinheiro pra nada, muito menos pra pagar aluguel”, disse Neuma Cardoso.

Na reunião da Câmara Municipal dessa terça (03), às 19 horas, os Sem Teto planejam fazer novo protesto. Assistam abaixo depoimento da Sem Teto Aldinéia Cardoso, mãe de quatro filhos, que está desempregada e com o marido doente. Ela construiu uma casinha na área pública para fugir do aluguel. Sua casa é uma das que está com ordem de demolição.
video

segunda-feira, 2 de março de 2015

PM de Taiobeiras flagra adolescente de 15 anos com arma e drogas

Adolescente estava com arma e drogas dentro da própria casa. Seu comparsa também foi detido
Na tarde dessa segunda (02), a Polícia Militar de Taiobeiras foi chamada à Rua Bambuí, bairro Bom Jardim, onde foi informada que um indivíduo teria apontado uma arma de fogo em direção a uma pessoa que passava pela rua.

Os militares fizeram os devidos levantamentos e foram até à casa de um dos suspeitos, onde a mãe permitiu a entrada dos militares. No local, os policiais depararam com um menor de 15 anos, que negou possuir arma de fogo, mas, ao fazer buscas pela casa, os policiais encontram no quarto do menor um revólver calibre 32, com seis cartuchos intactos.

Logo após, os militares encontraram também uma sacola com 26 buchas de maconha. Com o menor, foi encontrado R$ 240,00. Ele teria confessado aos militares que o dinheiro era oriundo da venda de drogas e que a arma teria sido comprada por R$ 800,00.

Os policiais também localizaram um comparsa do menor, apontado como “companheiro” na venda da droga. Ambos foram conduzidos à delegacia para as providências cabíveis.

PM de Taiobeiras derruba ‘boca de fumo’: quatro jovens presos e dois menores apreendidos

Quatro jovens foram presos em flagrante. Eles responderão por corrupção de menores

Ao anoitecer de domingo, 1º de março, a Polícia Militar de Taiobeiras recebeu uma denúncia anônima dando conta que jovens estariam traficando drogas na Rua Antony de Almeida, no bairro Nossa Senhora de Fátima, localizada atrás da rodoviária da cidade. O denunciante relatou ainda que a ‘boca de fumo’ teria pessoas armadas, consumindo bebidas alcoólicas e promovendo prostituição.

Diante da denúncia, os militares montaram operação e foram até a residência, que foi cercada. Ao fazer a abordagem, os policiais depararam com seis jovens, dentre eles uma linda moça de 21 anos e dois menores, um de 15 e outro de 16 anos.

Na residência, os militares encontraram cinco pinos e um papelote de cocaína, seis munições calibre 32 e um revólver Taurus calibre 32. Também foi constatado que os menores estavam consumindo bebida alcoólica, sendo apreendida uma garrafa de vodka, com o líquido pela metade. Haviam ainda sete pinos vazios de cocaína e R$ 586,35 em dinheiro.

Além dos materiais ilícitos, os policiais apreenderam uma motocicleta Honda Twister, de cor vermelha, placa HCX-8340, que seria utilizada na logística da entrega de drogas.

Conforme a ocorrência da PM, dois rapazes, identificados por E.O.S e L.M.S, ambos de 19 anos, assumiram a propriedade dos materiais ilícitos e foram presos em flagrante por tráfico de drogas, posse ilegal de arma e corrupção de menores. Outro rapaz, identificado por J.B, de 19 anos e a moça G.P, de 21 anos, foram presos em flagrante por corrupção de menores.

Todos foram conduzidos à delegacia, juntamente com os materiais apreendidos.
Materiais apreendidos na residência

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Prefeito Kinca, de Salinas, assume a presidência do Cisrun

Prefeito Kinca no discurso de posse

Em solenidade muito concorrida e prestigiada por várias autoridades, o prefeito de Salinas, Kinca Dias, assumiu na sexta (27) a presidência do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência do Norte de Minas (Cisrun), para a gestão 2015/2016. A missão é ampliar e fortalecer o trabalho do Samu na região, que, atualmente, possui 36 bases descentralizadas, 40 unidades de suporte básico e 07 de suporte avançado, distribuídas estrategicamente para atender aos 86 municípios consorciados. No total, a rede atende uma população de cerca de 1,6 milhão de pessoas.

Conforme Kinca, é preciso fazer um trabalho para aumentar o número de unidades móveis de atendimento para encurtar as distâncias entre as bases e reduzir o tempo de translado das ambulâncias até a unidade hospitalar. O prefeito de Salinas quer também fortalecer a parceria entre os municípios e os governos federal e estadual, para que o serviço prestado através do Samu seja cada vez mais eficiente.

O Cisrun foi o primeiro consórcio público desta natureza constituído no país, e além de possibilitar mais agilidade nos procedimentos burocráticos e democratizar o gerenciamento do Samu, viabiliza o repasse de recursos.

A posse de Kinca foi prestigiada pelo secretário de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Sedinor), deputado estadual Paulo Guedes; pelo Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional (Sedru), deputado estadual Tadeu Martins Leite; pelo deputado federal Newton Cardoso Júnior e pelo deputado estadual Jean Freire, além de representantes das instituições públicas de saúde, segurança e defesa social da região.
Vários políticos e autoridades prestigiaram a solenidade de posse

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Prefeito de Taiobeiras ordena demolição de residências irregulares no bairro Planalto

Polícia Militar deu apoio à ação dos fiscais da Prefeitura de Taiobeiras
O prefeito municipal de Taiobeiras, Danilo Mendes, através de processo administrativo, ordenou, na manhã dessa quinta (26), que os fiscais da prefeitura demolissem casas irregulares construídas no final da Rua São Gonçalo, no bairro Planalto, próximo ao Moto Clube.

O prefeito Danilo fez uso do poder de polícia para regularizar a situação. A ação teve o apoio da Polícia Militar, que fez a proteção dos fiscais da prefeitura.

Moradores foram para a Câmara protestar contra a demolição
Os moradores, que são carentes, estavam revoltados com as demolições. Exemplo é José Chagas, de 40 anos, que estava trabalhando em uma carvoeira e quando chegou deparou com a casa demolida.

A senhora Maria de Lourdes, de 43 anos, também estava nervosa com a situação. A casa que ela estava construindo também foi demolida.

O advogado José Messias esteve na prefeitura para pegar uma cópia do processo administrativo, mas o prefeito Danilo mandou avisar que só entregaria mediante protocolo de ofício.

Dezenas de pessoas foram para a Câmara Municipal de Taiobeiras protestar contra a ação do prefeito. Eles foram recebidos pelos vereadores Januário de Castro e Tião do Ônibus, que os encaminharam para o presidente Kêu Sena.

Com a revolta dos moradores, o prefeito Danilo suspendeu as demolições das seis casas e de outras que estão em construção, e marcou uma reunião com o vereador Januário, com o advogado José Messias e com cinco representantes dos moradores para a próxima semana.

O prefeito Danilo Mendes foi procurado, mas ele não quis atender ao telefonema da reportagem.
Advogada Jamille Lucas explica ação do prefeito aos moradores

Três crianças roubam residência em Taiobeiras

Ontem, quarta-feira, dia 25 de fevereiro, três crianças, com idades de 11, 12 e 13 anos, adentraram em uma residência da Rua Santa Luzia, no Bairro Vila Formosa, em Taiobeiras, e roubaram um cofre e aparelhos eletrônicos.

A vítima relatou à Polícia Militar que as crianças adentraram na sua residência e subtraíram um pequeno cofre com aproximadamente 250 reais, além de um aparelho de DVD, um secador de cabelo, um perfume, uma bolsa e uma blusa.

Testemunhas reconheceram o autor de 13 anos e informou para o cunhado da vítima, que conseguiu recuperar o secador de cabelo e o aparelho de DVD. O menino foi apreendido pelos militares.

As crianças de 11 e 12 anos também foram identificadas e apreendidas após rastreamentos, mas elas negaram participação no roubo, contudo, os militares conseguiram localizar a bolsa e a blusa que foram roubadas.

A participação de uma criança de 11 anos neste tipo de crime representa fielmente o caos social vivido em Taiobeiras.

Seca já deixa seis municípios da região Alto Rio Pardo em estado de emergência

Caminhões pipa ainda são alternativas para abastecimento

ALTO RIO PARDO – Segundo a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, seis municípios dessa região estão com os decretos de “estado de emergência” vigentes, dentre eles, apenas Fruta de Leite teve o decreto vencido no final de janeiro, mas a situação permanece caótica no município. Os outros municípios que sofrem com a falta d’água são: Novorizonte, cujo o decreto vigente vai até o dia 16 de março; Salinas (14 de março), Rio Pardo de Minas (26 de abril), Berizal (7 de abril) e Santa Cruz de Salinas, com decreto vigente até 20 de abril.

Historicamente, os meses de dezembro e janeiro são conhecidos como chuvoso, mas o período está sendo marcado pelo forte calor e pouca chuva. No total, 110 cidades mineiras continuam com a vigência de decretos de estado de emergência em decorrência da estiagem.

Conforme o gerente regional da Emater, Tiago Hebert Ribeiro, apenas no mês de março se terá os números exatos das percas nas lavouras da região, mas já se sabe que os prejuízos serão enormes. “A produção está sendo muito prejudicada com o longo período de estiagem e a situação não é nada boa”, disse Tiago, afirmando que a Emater prioriza a orientação dos pequenos produtores rurais, que penam com a falta d’água.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Rio Pardo de Minas, Elmir Pereira, mais de 90% da produção da agricultura familiar no município foi perdida com a falta de chuva, principalmente milho, feijão e mandioca. “Muitas comunidades só tem água através dos seis caminhões pipa fornecidos pela prefeitura”, informa Elmir.

O governador Fernando Pimentel já confirmou que o Estado vive uma crise hídrica e divulgou um levantamento feito pela Defesa Civil Estadual. Dos municípios abastecidos pela Copasa, 87 apresentam restrição no fornecimento de água, 62 destes em situação de eminente colapso de abastecimento, como Montes Claros e Taiobeiras.

Programa ‘Mais Médicos’ chegará à Salinas e Taiobeiras

Nova etapa beneficiará 1.500 municípios
O Ministério da Saúde anunciou um novo edital que irá ampliar o programa Mais Médicos, uma das principais bandeiras do governo Dilma Rousseff. Ao todo, até 1.500 municípios podem participar dessa nova etapa – destes, 424 ainda não possuem médicos vinculados ao programa. Nessa etapa, duas cidades do Alto Rio Pardo serão beneficiadas: Salinas e Taiobeiras.

Agora, o Provab (Programa de Valorização do Profissional de Atenção Básica), criado com objetivo de levar médicos à rede pública, será incorporado ao Mais Médicos. Com isso, o participante poderá optar entre receber auxílio moradia e alimentação, nos moldes do programa mais recente, ou obter um bônus de 10% em provas de residência médica, nos moldes do que ocorria no Provab. Em ambos os casos, o médico recebe uma bolsa de cerca de R$ 10 mil.

A ideia, ao vincular o bônus de 10% para a prova de residência, é atrair mais médicos brasileiros e recém-formados ao programa e tentar fixá-los por mais tempo nas unidades básicas de saúde.

Hoje, 3.785 municípios participam do Mais Médicos. Com a ampliação, este número deve chegar a 4.209. Conforme o Ministro da Saúde, Arthur Chioro, os novos municípios foram escolhidos com base em critérios como maior vulnerabilidade social e ausência de profissionais. “Médicos brasileiros continuarão a ter prioridade na seleção”, afirma o ministro, explicando que, caso as vagas não sejam preenchidas, o edital será aberto a brasileiros formados no exterior e, em seguida, a estrangeiros.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Assaltantes levam R$ 2.700,00 de trabalhadora rural

Patrulha Rural não conseguiu localizar os assaltantes, que estavam em motos
A Polícia ainda não tem pistas dos quatro bandidos que atacaram uma residência na Fazenda Teiú, zona rural de Rio Pardo de Minas, na noite do dia 22. Conforme a vítima, uma mulher de 51 anos, os quatro assaltantes chegaram à sua casa chamando pelo seu esposo, e de repente, eles arrombaram a porta, e com armas em punho, anunciaram o assalto.

A mulher disse à polícia que três indivíduos estavam portando armas de fogo. Eles apontaram as armas em direção a sua cabeça e a obrigou fechar os olhos, pois um deles temia ser reconhecido.

Os assaltantes levaram uma pochete contendo R$ 2.700,00, além de alguns objetos da casa. Os quatro autores trajavam calças jeans e estavam encapuzados. Eles evadiram em duas motocicletas, sendo que uma seguiu sentido à Taiobeiras e a outra moto foi sentido à Rio Pardo de Minas.

As vítimas são feirantes no mercado municipal de Rio Pardo de Minas. A Polícia Militar fez rastreamentos, mas ninguém foi preso.

Corpo da mulher atropelada por caminhão no Centro de Salinas ainda não foi identificado

Corpo foi atingido pelas rodas traseiras do caminhão
A mulher que foi atropelada por um caminhão de combustíveis na manhã dessa terça-feira no Centro de Salinas ainda não foi identificada, pois ela não portava nenhum tipo de documento e ainda não apareceu nenhum familiar para reconhecer o corpo, que foi totalmente esmagado, deixando a parte superior do corpo irreconhecível.

O fatal acidente aconteceu por volta das 07h:30min da manhã, quando o caminhão de combustíveis do Posto Cecília, conduzido pelo motorista Djalma Morais Santiago, passava em frente ao Mercado Municipal de Salinas, onde possui faixas de pedestres.

Neste momento, a Polícia Militar está fazendo diligências para tentar identificar a vítima, que portava apenas alguns comprovantes de compras. “Estamos tentando conseguir alguma imagem de câmeras de segurança para sabermos o que aconteceu”, informou o Tenente Fernando, comandante da Polícia Militar de Salinas. “O local possui faixas elevadas de pedestres e o caminhão estava trafegando em baixa velocidade. Até então, nenhuma testemunha soube informar o que causou o acidente”, completou o Tenente para a nossa reportagem.

O motorista do caminhão se encontra neste momento na Delegacia de Salinas para prestar depoimento. O corpo da mulher já foi encaminhado para o IML de Montes Claros.

Caminhão de combustíveis atropela idosa no Centro de Salinas

Acidente ocorreu em frente ao Mercado Municipal de Salinas. Foto: Galera em Foco

Na manhã dessa terça (24) um caminhão de combustíveis do Posto Cecília, conduzido pelo motorista identificado por Djalma Morais Santiago, atropelou uma mulher, ainda não identificada.

O fatal acidente aconteceu em frente ao Mercado Municipal. Conforme a Polícia Militar, o caminhão passou por cima da mulher, que ficou completamente deformada e ainda não foi possível identificá-la oficialmente, pois, até o momento, nenhum parente compareceu para reconhecer o corpo ou apresentar documentação. A vítima não portava nenhum documento pessoal.

O Samu esteve no local, mas nada pode ser feito. A Perícia Técnica da Polícia Civil fez os levantamentos de praxe. Neste momento, o motorista foi conduzido ao Pelotão da PM para a finalização da ocorrência.

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Advogado José Messias denuncia prefeito Danilo, de Taiobeiras, por uso de rádio pirata

Prefeito Danilo e advogado Zé Messias: denúncia deve parar na justiça

O advogado José Messias Pereira, editor do Blog “Cutuca Zé”, denunciou na tarde deste sábado (21), o prefeito de Taiobeiras, Danilo Mendes, por uso indevido de uma rádio pirata “para fazer um balanço do seu mandato” e falar das “ações da prefeitura”.

Segundo o advogado, “rádio pirata é uma estação de radiodifusão em situação ilegal por não ter autorização de funcionamento expedida pelas autoridades governamentais competentes”, por isso, o prefeito jamais poderia “fazer uso de uma rádio que opera na clandestinidade, não paga impostos e nem contribuições legais”.

Operar rádio pirata é crime federal, cuja ação é de iniciativa pública incondicionada. O tipo penal está previsto no artigo 183 da Lei 9.472/1997, e a pena prevista é de dois a quatro anos de reclusão e multa R$ 10 mil”, explicou Dr. José Messias, lembrando que a pena é atribuída também àqueles que, direta ou indiretamente, colaboram para o crime, especialmente participando da programação.

A conduta do prefeito ao conceder entrevista a uma rádio pirata é no mínimo perigosa. Se ele contribui para a proliferação de um crime e até faz uso dele em seu favor, com que moral ele vai coibir outras ações delitivas como o jogo do bicho, os furtos, roubos, o tráfico de drogas...”, detonou o advogado.

Além de denunciar a conduta ilícita do prefeito Danilo, o advogado ainda alertou para um possível ato de improbidade administrativa, já que Danilo usou a emissora pirata para promover a sua administração. “Ato de improbidade administrativa é aquele que atenta contra os princípios da administração pública”, disse José Messias, questionando se o uso de uma rádio pirata pelo prefeito é um ato administrativo legal e moral?

O caso deve parar na Justiça.

Ônibus clandestino de Taiobeiras atropela motociclista na BR-251. Vítima morreu na hora

Na noite de sexta (20), por volta das 21 horas, a Polícia Militar de Montes Claros registrou um fatal acidente envolvendo um motorista que conduzia ônibus clandestino de passageiros pela BR-251, na altura do quilômetro 523. Segundo a ocorrência, o ônibus clandestino atropelou o motoqueiro de 30 anos, que estaria trafegando pela contramão. Ele sofreu muitos ferimentos e acabou morrendo no local do acidente.

Ainda conforme a polícia, o motorista identificado por E.J.S, é de Taiobeiras e tem 34 anos. Ele teria, conforme a PM, fugido sem prestar socorro à vítima.

Em rastreamento, os policiais localizaram o motorista em uma estrada vicinal, próximo a LMG-653. Os militares relataram que ele saiu de Taiobeiras com destino à Franca, no estado de São Paulo, transportando 38 passageiros.

Ao ser detido, o motorista explicou que trafegava pela rodovia quando avistou o motociclista vindo na contramão com uma Honda CG 150, placa PVD-3047, momento em que tentou desviar, mas não conseguiu evitar a colisão. O nome da vítima também não foi revelado pelos policiais.

Para piorar a situação, o ônibus estava sem documentos e não tinha autorização para viagem. O veículo foi notificado e removido ao pátio do Detran e o transbordo dos passageiros foi feito em outro ônibus. O motorista foi conduzido à delegacia.

Jovem assassinado foi sepultado neste sábado

Marcos Thúlio foi assassinado na calçada de uma mercearia no bairro Bom Jardim

O jovem Marcos Thúlio Cardoso Oliveira, de 18 anos, que foi morto na tarde de sexta (20) com um tiro no peito, foi sepultado neste sábado (21), às 14 horas, no cemitério Santos Cruzeiro, em Taiobeiras.

O corpo foi velado em sua residência, na Rua Mato Grasso, nº 1.556, bairro Bom Jardim.

Marcos Thúlio foi alvejado por dois homens que estavam em uma moto alta, cor azul, na esquina da Rua Santos Dumont com a Avenida do Contorno, no bairro Bom Jardim. O crime foi na calçada da popular Mercearia de Noé.

Conforme a Polícia Militar, foram disparados quatro tiros, sendo que um acertou o peito do garoto. Os autores evadiram em direção ao bairro Planalto, mas nenhuma testemunha soube explicar detalhes dos executores.

Nossa reportagem está acompanhando o caso junto à Polícia Militar, no entanto, até o momento ninguém foi preso. A polícia já averiguou as câmeras de segurança da mercearia e tem algumas pistas dos homicidas, mas ainda não obteve sucesso nos rastreamentos.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Jovem acaba de ser morto a tiros em Taiobeiras

Jovem foi morto na esquina da Rua Santos Dumont com a Avenida do Contorno

Na tarde dessa sexta (20), um jovem identificado por Marcos Thúlio Cardoso Oliveira, de 18 anos, foi morto a tiros na esquina da Rua Santos Dumont com a Avenida do Contorno, no bairro Bom Jardim.

Conforme as primeiras informações da Polícia Militar, os autores do homicídio estavam em uma moto alta, cor azul, mas, até então, sem maiores detalhes.

Marco Túlio teria sido atingido por um tiro no peito. O Samu prestou atendido no local, mas o jovem não resistiu aos ferimentos e morreu na frente de dezenas de testemunhas.
Menor foi socorrido pelo Samu no local, mas não resistiu aos ferimentos

PM de Taiobeiras prende latrocida procurado em MG e SP

Sargento Oliveira e Soldado Marcos Júnior apresentam Adriano Felipe Gomes, acusado de latrocínio em São Paulo

Ao anoitecer de quinta-feira (19), uma guarnição da Polícia Militar de Taiobeiras, durante patrulhamento na Rua Paraíba, bairro Planalto, deparou com o indivíduo Adriano Felipe Gomes, de 19 anos, em atitude suspeita. Ao avistar a presença da guarnição formada por Sargento Oliveira e Soldado Marcos Júnior, ele abaixou a cabeça com o intuito de não ser reconhecido, mas acabou sendo abordado, contudo, nenhum ilícito foi encontrado em seu poder.

Ao ser questionado, Adriano tentou ludibriar os policiais, se identificando como Amando Felipe Gomes, porém, os militares não acreditaram na conversa e consultaram o sistema de segurança, descobrindo que se tratava de Adriano Felipe Gomes, com mandado de prisão em aberto. Ele foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia.

Adriano é conhecido nos meios policiais por várias passagens de roubo, furto, ameaça, lesão corporal e ainda figura como suspeito de um latrocínio ocorrido no município de Itaquaquecetuba/SP no último dia 28 de dezembro. Conforme a polícia, o latrocida assaltou um ônibus do transporte coletivo na cidade do interior paulista e acabou espancando e matando a tiros o motorista Edivaldo Sousa Lourenço, de 35 anos. No momento do crime, a filha da vítima, de apenas 10 anos, se encontrava sentada na 1ª fileira de assentos do ônibus e presenciou toda ação criminosa.

Na época do crime, as imagens do sistema de segurança do coletivo foram divulgadas em telejornais exibidos em rede nacional (vejam link).

Conforme apurações da Polícia Civil de São Paulo, Adriano roubou apenas R$ 60,00 após o assassinato. Ele estava acompanhado de dois comparsas, um deles estava armado, e o esperavam do lado de fora do ônibus.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Geraizeiros são atacados em Fruta de Leite

Residência e veículo ficaram totalmente destruídos pelas chamas

Durante o carnaval (14 e 15 de fevereiro) lideranças geraizeiras sofreram atentados no povoado Martinópolis, zona rural de Fruta de Leite. Os principais suspeitos são grileiros de terras públicas quer atuam na região, dizem as próprias vítimas, que são conhecidas na região devido a luta em defesa de seus territórios tradicionais.

Uma das vítimas foi Alceu Batista Franco, de 42 anos, que foi atacado por dois homens que o seguiam de moto na noite de 14 de Fevereiro, quando se deslocava da casa de seu pai para a sua residência. Ele foi derrubado de sua moto com golpes de barra de ferro nas costas, mas, após cair do veículo, conseguiu fugir pelo matagal. Alceu relata que “vem sofrendo ameaças há mais de um mês”.

A outra vítima foi Valdivina Dias Batista, de 62 anos, trabalhadora rural e forte liderança sindical e do Movimento Geraizeiro. Dona Vina, como é conhecida popularmente, encontrou a sua casa completamente destruída pelo fogo depois de voltar da missa, na manhã do dia 15 de Fevereiro. O incêndio destruiu praticamente toda a casa, deixando a vítima e sua família apenas com a roupa do corpo. Os autores teriam usado a gasolina do veículo Fiat que estava na garagem para incendiar a residência. O veículo também ficou totalmente destruído pelas chamas. Documentos pessoais e cartões bancários da família foram queimados.

Segundo Orlando Santos, uma das principais lideranças do movimento geraizeiro do município de Novorizonte, não existem duvidas quanto à motivação dos crimes. “Desde 2011 nosso movimento luta contra a grilagem das terras devolutas e temos vindo a sofrer constantes ataques e ameaças”, disse Orlando, ressaltando que a atuação está mexendo com interesses de poderosos.

Os locais dos crimes foram periciados, mas os autores ainda não identificados.