domingo, 29 de março de 2015

Na guerra contra o tráfico de drogas, PM de Taiobeiras recupera 5 motos e prende 4

Motos apreendidas eram usadas no tráfico de drogas em Taiobeiras

Os últimos dias foram de intensas operações contra o tráfico de drogas em Taiobeiras. Só na última semana foram recuperadas cinco motocicletas usadas por traficantes para cometer crimes, todas com suspeitas de serem produtos de roubos. As operações foram tensas, com registros de perseguições, ameaças contra militares e até troca de tiros.

Uma das operações mais tensas foi para apreender a famosa XRE 300 branca, que vinha sendo usada por traficantes para aterrorizar gangues rivais pelas ruas da cidade. Na noite da operação, os autores haviam disparados tiros contra rivais na Avenida do Contorno e evadido na XRE branca. A PM foi acionada, iniciando intensa perseguição pelas ruas da cidade, até que os dois autores conseguiram adentrar numa casa da Rua Paraíba, onde foram presos com revólver, pinos de cocaína, pedras de crack e bucha de maconha, além da famosa XRE branca.

Após as prisões, várias pessoas, parentes e amigos dos autores, aproximaram da residência e passaram a agredir verbalmente os militares, que pediram reforço e acabaram prendendo outros três autores, por desacato e incitação ao crime.

Em outra operação, os militares recuperaram a moto Honda CG Titan, cor vermelha, da vítima João Pereira, que havia sido roubada no último dia 14 de março. A própria vítima descobriu que os autores do roubo, haviam deixado a roda traseira da moto numa oficina da Rua Paraíba, quando ele acionou a PM, que passou a rastrear os autores, culminando na identificação de dois menores, que haviam escondido a moto em um matagal próximo à localidade “Barragem de Cima”. Quando o veículo foi localizado, já tinha sido iniciada o processo de desmontagem das peças.

Outra moto foi apreendida após denúncia anônima na Rua São Gonçalo, bairro Planalto. O veículo, uma CB 330, estava dentro de um ponto comercial na residência do autor, que havia efetuado o furto no dia 17 de março, em Salinas. A mãe do autor relatou aos militares que apenas ele usava o cômodo para guardar objetos e encontrar com mulheres. Ela permitiu a entrada dos policiais na casa, onde foi encontrada uma balança para pesar drogas. Junto com a moto haviam dois capacetes, que também foram apreendidos.

Outra apreensão de moto usada para o tráfico aconteceu na Avenida Amazonas, Centro de Taiobeiras, no dia 25 de março. Na ocasião, a equipe do Sargento Wesley deparou com a motocicleta Honda CB 300, cor prata, sem placa e que estava sendo conduzida por indivíduo não identificado em alta velocidade.

O autor desobedeceu a ordem de parada e saiu ensandecido pelas ruas da cidade, ignorando as normas de segurança do transito e colocando em risco pedestres, ciclistas e outros condutores de veículos nas vias. Todas as viaturas foram acionadas e os militares tentaram abordar o autor por duas vezes, uma na Rua Belo Horizonte e outra na Rua Rio Branco, mas ele conseguiu escapar e ganhou a rodovia que liga Taiobeiras à Rio Pardo de Minas. Cinco quilômetros depois, o autor entrou numa estrada vicinal, onde abandonou a moto e o capacete, evadindo por uma mata fechada. Os militares apuraram que a moto pertencia a meliantes do bairro Planalto e era utilizada para a prática de delitos.
Dos quatro autores presos, três tiveram os flagrantes lavrados

quinta-feira, 26 de março de 2015

ONG Mãos & Patas adota cachorro de rua e consegue cadeira de rodas

Minie ganhou cadeira de rodas e está recebendo intenso tratamento
A vida da cadelinha Minie mudou!

No mês de fevereiro, Minie, que vivia perambulando pelas ruas de Taiobeiras, foi vítima de acidente de trânsito na Avenida São João, Centro da cidade, ocasião em que teve as duas patas traseiras quebradas. Ninguém prestou socorro à Minie.

Dias após o acidente, o caso chegou ao conhecimento de integrantes da ONG S.O.S Mãos & Patas, que passaram a fazer diligências próximo ao PSF do bairro Vila Formosa, até que Minie foi encontrada e resgatada, ocasião em que sentia muitas dores e apresentava vários ferimentos pelo corpo, pois ao se locomover, ela arrastava as patas no chão.

Desde então, a cadelinha vem passando por uma série de cuidados veterinários. Mas, infelizmente, os membros da ONG receberam o diagnóstico de que Minie estava paraplégica. “Ela teria que ser socorrida no máximo 48 horas após o acidente, como isso não aconteceu, a coluna foi cicatrizada fora do lugar e Minie não conseguirá andar”, explicou Gaby de Oliveira, integrante da Mãos & Patas.

Através de campanha nas redes sociais, a ONG conseguiu levantar recursos e já comprou uma cadeira de rodas para Minie. “Com a cadeira de rodas, ela consegue se locomover, mas, no período de adaptação, só pode usar a cadeira duas horas por dia”, explicou Cristiely Marques, do Pet Shop Estilo Dog e voluntária da ONG. “Quando Minie não estiver usando a cadeia de rodas, terá que usar um saco de arrasto, para evitar ferimentos nas patas ao se locomover”, completou Cristiely.

quarta-feira, 25 de março de 2015

PM de Salinas acaba de prender jovem acusado de tráfico

Jovem de 18 anos estava com tablete de maconha
No início da noite dessa quarta (25), a Polícia Militar de Salinas conseguiu flagrar um jovem acusado de tráfico. Ele foi identificado por G.M.C, de 18 anos.

Segundo os militares, a prisão ocorreu em um matagal no final da Rua Basílio Santiago, no Centro de Salinas. O jovem foi flagrado com um tablete de 25 gramas de maconha.

Ainda conforme os militares, G.M.C pratica delitos desde quando era menor de idade. O flagrante foi lavrado na Delegacia da Polícia Civil e o autor encaminhado para a Cadeia Pública.

Chuva de 15 minutos agrava situação em rua no Centro de Salinas

Rua do Centro da cidade está interditada há 36 dias
Na tarde dessa quarta (25) choveu por cerca de 15 minutos na região central de Salinas, agravando ainda mais a situação na Rua Ailton Brito, onde parte do calçamento afundou com o peso de um caminhão desde o dia 19 de fevereiro.

O buraco aberto na rua surgiu com o rompimento da estrutura que cobre a galeria de água pluvial e rede de esgoto. Desde então, moradores e comerciantes das imediações estão cobrando providências, pois a rua está interditada e o mau cheiro é gera constrangimentos.

A reportagem tentou falar com o Secretário Municipal de Obras, Manoel Messias, mas ninguém atendeu ao telefone da Secretaria.

Veja vídeo enviado por morador no momento da chuva:
video

Samu realizará ultrassonografia na própria ambulância

O novo recurso vai possibilitar diagnóstico mais fidedigno e evitar, inclusive, transferência desnecessária de pacientes

Por Jerúsia Arruda
Médicos e enfermeiros que atuam nas 37 bases do Samu Macro Norte serão capacitados
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do Norte de Minas (Samu Macro Norte) retomou o treinamento dos profissionais médicos e enfermeiros para realização da ultrassonografia nas unidades móveis.

A iniciativa faz parte do projeto Ecos dos Gerais, realizado pela Secretaria de Estado de Saúde em parceria com uma sociedade internacional presente em mais de 50 países. O objetivo é possibilitar a realização da ultrassonografia na própria ambulância do Samu, com acompanhamento e monitorização das imagens em tempo real.

O sistema de transferência de imagens, com instalação de um aparelho de ultrassonografia portátil na ambulância do Samu e nas portas de entrada dos hospitais, interligará à Central de Regulação do Samu, possibilitando o cruzamento das informações básicas e uma melhor avaliação pela Central de Regulação.

Com os exames, os laudos que não correspondem ao real estado em que se encontra o paciente será evitado, isso impedirá o transporte de um paciente que poderia perfeitamente ser tratado na unidade hospitalar onde está internado ou da cidade onde recebeu o atendimento pré-hospitalar.

O treinamento da equipe foi iniciada na quarta (24), com a médica especialista em ultrassonografia, Lilian Brito Fernandes, que está repassando os princípios físicos da ultrassonografia, geração, aquisição e interpretação de imagens.

terça-feira, 24 de março de 2015

9ª edição da Copa Folha Regional começa dia 11 de abril

A seleção de Divisa Alegre é a atual campeã. Eles já levantaram o troféu três vezes!

Os Secretários Municipais de Esportes da microrregião Alto Rio Pardo aprovaram a realização da 9ª edição da Copa Folha Regional, que terá início no próximo dia 11 de abril. Para essa edição, os Secretários decidiram que nenhuma seleção poderá inscrever atletas de outra região nas equipes. No ano passado havia a permissão de dois atletas por equipe.

Este ano também ficou decidido que todos os jogos terão a obrigatoriedade de maqueiros à disposição da equipe de arbitragem e as bolas oficiais da competição são da marca Penalty, nos modelos Pro Brasil ou Digital.

A primeira rodada terá dois grandes jogos. A seleção de Divisa Alegre, atual campeã, estréia no dia 12 de abril, às 15h:30min, contra a seleção de São João do Paraíso.

O outro jogo da primeira rodada será entre as seleções de Taiobeiras X Santo Antônio do Retiro, atual vice-campeã da Copa Folha Regional, às 19 horas do dia 11 de abril.

A premiação de 2015 será de R$ 8 mil.




Andarilho de Taiobeiras cai e é atingido por caminhão. Ele morreu na hora

Chiquinho foi atingido pelas rodas traseiras da caçamba

Na tarde de segunda (23), o andarilho Francisco Xavier da Cruz, popular Chiquinho, de 56 anos, estava andando pela calçada da Rua Osvaldo Argolo, no Centro de Taiobeiras, quando se desequilibrou e caiu na rua, momento em que o caminhão basculante Ford, modelo F14000, conduzido por José Cardoso dos Santos, o atingiu com as rodas traseiras.

Após perceber que a vítima estava caída, o condutor acionou imediatamente o SAMU, mas o óbito foi constatado no local. A perícia também foi acionada para realizar os trabalhos de praxe. O veículo foi liberado, pois se encontrava com a documentação regularizada.

Testemunhas relataram que a vítima, morador da Rua Curitiba, no bairro Santos Cruzeiro, estava cambaleando, com visíveis sintomas de haver ingerido bebida alcoólica.

sábado, 21 de março de 2015

Paulo Guedes, deputado e secretário de Estado, é condenado por improbidade administrativa

A sentença ordena pagamento de multa e suspensão dos direitos políticos por 08 anos

Paulo disse que erro será esclarecido
Na sexta (20), o Tribunal de Justiça de Minas Gerais, através da juíza Rosana Silqueira da Paixão, da 1ª Vara Empresarial e de Fazenda Pública da Comarca de Montes Claros, publicou sentença em ação de improbidade administrativa contra o Secretário de Estado de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Sedinor), deputado estadual Paulo Guedes (PT).

Conforme a sentença de Dra. Rosana Paixão, em 2001, o então vereador Paulo Guedes aproveitou o cargo de presidente da Associação de Vereadores da Área Mineira da Sudene (Avams) para utilizar bens e serviços da entidade para fins particulares. Ainda segundo a sentença, Guedes teria usado recursos da Avams para publicar matérias no Jornal Vale do Sol, que era administrado por ele.

Na defesa protocolada no processo, Guedes negou a acusação, sustentando que também que não era o proprietário do jornal, mas a juíza, se baseando em depoimentos de testemunhas, considerou procedente a representação do Ministério Público.

A punição prevista a sentença é o pagamento de multa no valor de três vezes a remuneração que ele recebia enquanto vereador à época dos
atos, ocorridos na cidade de Manga. Além disso, Paulo Guedes teve os direitos políticos
suspensos por oito anos e fica proibido de contratar com o poder público ou receber incentivos
fiscais no período de 10 anos. 

Em nota publicada na noite de sexta (20), o secretário e deputado Paulo Guedes afirmou que ainda não foi notificado oficialmente da sentença, mas adiantou que irá recorrer da decisão e se pronunciará nos autos do processo. “Tenho plena confiança na Justiça e a certeza de que esse erro será devidamente esclarecido”, disse o secretário na nota. “Peço a todos aqueles que confiam em mim, que, assim como eu, aguardem pelo reparo dessa decisão”, finalizou Guedes, que foi o deputado estadual mais bem votado de Minas Gerais nas últimas eleições.

O advogado do secretário, Ilídio Antônio dos Santos, disse que vai apelar à 2ª instância. “Vamos nos inteirar da decisão. Ela não tem fundamento. Mas vamos evitar qualquer outro comentário sobre o teor da sentença, até em respeito à magistrada que a prolatou”, afirmou o advogado, lembrando que Guedes continuará com seus direitos políticos preservados, já que haverá recurso. “A perda dos direitos políticos somente ocorre quando a decisão é transitada em julgado”, observou.