Homem que matou estudante de Rio Pardo está preso

Pedro Egídio disse que estava sendo perturbado
RIO PARDO DE MINAS – A Polícia Civil desta cidade, em cumprimento de mandado judicial, prendeu o operador de máquinas Pedro Egidio dos Santos, de 49 anos, acusado de ter matado o estudante Eliseu Gregório dos Santos, de 21 anos, com tiros de espingarda na cabeça. O homicídio aconteceu na tarde/noite do dia 24 de agosto, na Avenida Taiobeiras, próximo ao número 508, no bairro Esplanada.

Conforme testemunhas, Pedro evadiu logo após os disparos numa motocicleta Titan 125, cor vermelha, saindo do flagrante e se apresentando 5 cinco dias depois com a presença de advogado, oportunidade em que entregou a arma do crime.

Assim que colheu o depoimento do acusado, a delegada Camila Pacheco entrou com o pedido de prisão preventiva, que foi cumprido no último dia 08. Durante o período em que ficou livre, policiais civis estavam fazendo o monitoramento do acusado, pois tinham receio que ele fugisse.

Pedro foi preso durante a madrugada do dia 08, quando estava saindo de sua casa em direção ao povoado de Nova Aurora, momento em que foi surpreendido pela equipe de investigadores.

A reportagem apurou que o jovem Eliseu estava ouvindo música no aparelho de celular junto com duas crianças, quando Pedro, seu vizinho, pediu para desligar. Diante da recusa, Pedro foi até sua casa, pegou a arma e efetuou os disparos, sob a alegação de que estava sendo perturbado.

Comentários

  1. esse e um covarde fazer o que fez tem que apodrecer na cadeia esse demonio.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Carreta tomba e interdita parte da BR-251

Civil recupera carga avaliada em R$ 1 milhão

Tiros durante churrasco em circo