Feirante e taxista desaparecem em Rio Pardo de Minas

Feirante Gerson e taxista José Antonio desapareceram no dia 11 de junho em Rio Pardo de Minas
Desde a tarde de sábado, 11 de junho, que o feirante Gercino da Silva Brito, popular Gerson, de 27 anos, desapareceu de Rio Pardo de Minas. Segundo os familiares, ele teria saído no trabalho, no Mercado Municipal, onde vende temperos, e seguido em direção à sua residência com uma bicicleta.

Ainda conforme os familiares, quando Gerson estava próximo à sua residência, localizada na Rua D, do Conjunto Habitacional Bela Vista, testemunhas teriam visto um carro branco fechá-lo e os autores forçaram a sua entrada no veículo, logo após, saíram em alta velocidade, tomando rumo ignorado. Desde então, ninguém tem notícia de Gerson.

Na manhã do mesmo sábado, o taxista José Antonio, de 21 anos, que teria sido contratado para levar um homem da rodoviária de Janaúba até à cidade de Rio Pardo de Minas também desapareceu. O taxista saiu da rodoviária de Janaúba às 10 horas e, até então, ninguém sabe do seu paradeiro. Ele estava com o veículo Pálio Adventure, cor branca, placa PUC-9043.

A polícia ainda não sabe se existem ligações entre os dois desaparecimentos. Os casos estão sendo investigados pela Polícia Civil de Rio Pardo de Minas e qualquer informação pode ser repassada pelos telefones 181, 190 e (38) 3824-1390.

Comentários

  1. Se fosse filho de um rico . Já teriam vários helicópteros sobrevoando a região. Mas como é um simples feirante. Nada foi feito ainda

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Traficantes são presos em Salinas

PM de Salinas prende alunos que furtaram no IFNMG

PM de Taiobeiras apreende drogas durante operação