PM de Salinas está na caça dos autores que mataram o jovem Maxuel

Maxuel, de 25 anos, foi morto com tiro no peito

A Polícia Militar de Salinas já identificou o autor e co-autor do assassinato do jovem Maxuel Pereira Silva, de 25 anos, que foi morto hoje de manhã com um tiro no peito, dentro de uma oficina mecânica, localizada à Rua Professor Fontenelle, nº 147, no bairro Alvorada.

Maxuel morreu na hora e o proprietário da oficina, Altarcísio Teixeira Costa, de 40 anos, foi atingido por um disparo no cotovelo direito. Ele foi encaminhado para o hospital local e passa bem, mas, provavelmente, terá que ser submetido à cirurgia.

Conforme os primeiros levantamentos feitos pela Polícia Militar, a vítima Maxuel estava na oficina quando foi chamado pelo suspeito identificado por "Bel Preto" e quando a vítima saiu da oficina foi surpreendida pelo desafeto identificado por "Diego Manchinha", sendo iniciada uma discussão, momento em que Diego teria sacado uma arma e começado a disparar contra Maxuel, que também estava armado. Houve troca de tiros, mas apenas Maxuel foi atingido.

Ainda conforme a PM, os autores evadiram do local a pé. No local foi encontrada a arma portada pela vítima. Um vizinho entregou aos policiais uma arma que seria do suspeito Bel. Militares acreditam que a desavença teria sido pela disputa de armas e drogas.

Neste momento, intensos rastreamentos estão sendo feitos para localizar os autores. Quem tiver alguma informação é só ligar de forma anônima para os fones: 190 ou 181.

Comentários

  1. ê salinas véia tomando rumo de cidade grande............no crime....

    ResponderExcluir
  2. Salinas falou Tanto de Taiobeiras,e agora paga com a mesma moeda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. diferença que a PMMG de Salinas é eficiente, vagabundo aqui roda....

      Excluir
    2. Depois que o 2º Ten PM Vander assumiu o comando do 2º Pelotão, a motivação é outra , sem explicação.... valeu seu Tenente.

      Excluir
    3. Os habitantes da cidade de Taiobeiras,antigamente se gabavam de ser a melhor e mais desenvolvida do alto Rio Pardo,tirando sarro das outras cidades,hoje Taiobeiras é campeã na criminalidade e vive constantemente com falta d'agua.Isso deve ser para pagar a língua.

      Excluir
    4. Com muita franqueza sobre a frase ´ VAGABUNDO AQUI RODA`, ela e muto clara somente ladrao de galinha aqui roda, a sociedade civilizada espera que voces policiais peguem os baroes criminosos de salinas e como todo mundo sabe estao em pleno centro da cidade principalmente alissiando jovens para o trafico de drogas, so nao ver quem nao quer e boa sorte pra voces..

      Excluir
  3. Uma boa observação disso tudo é que os criminosos estão se matando uns aos outros.

    ResponderExcluir
  4. Não sei se ele era criminoso, mas não justifica tirar a vida dele de uma forma tão trágico.Acho que esse mané tem que mofar na cadeia.

    ResponderExcluir
  5. Irrul .. do crime direto para a falta de água!
    ai que badalo. kkkk ...

    ResponderExcluir
  6. Criminoso bom e criminoso Morto

    ResponderExcluir
  7. A polícia de Salinas MG parece assistir passivamente a escalada da criminalidade,é preciso força tarefa para pegar ladrões de carga que muitos comerciantes os conhecem a tempo. A propósito, quando estes bandidos serão apresentados para o povo? afinal o roubo de carga existe porque tem quem compra.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Seis pessoas de Rio Pardo de Minas morreram em acidente na BR-251

Acidente grave deixa mortos e feridos na BR-251

Já são oito mortos e 53 feridos em acidente na BR-251