Fundador da Cachaça Havana terá busto no Museu da Cachaça

Busto será instalado na Praça do Museu, nesta sexta, às 17 horas

Os familiares de Anísio Santiago, em parceria com a Prefeitura Municipal e a Associação de Produtores de Cachaça de Salinas – APACS, instalam nesta sexta (23/11) o busto do fundador da Cachaça Havana na Praça do Museu da Cachaça de Salinas. A cerimônia será 17 horas.

Anísio Santiago é uma figura veneranda, que cuidou de Salinas e foi exemplo para homens públicos e empresários. Cuidou com devoção daquilo que sabia e gostava de fazer e não buscou publicidade, nem reconhecimento pelos seus feitos. Exemplar empreendedor/fundador da marca Havana, orgulho dos salinenses e símbolo idôneo que engrandece o nome de Salinas, de Minas e do Brasil", destaca o prefeito Zé Prates.

Anísio Santigo, se estivesse vivo, faria 106 anos em 2018. Ele é um dos mais importantes nomes da história de Salinas e do universo da cachaça no Brasil. Fundou, com jeito peculiar e simples as marcas Havana e Anísio Santiago, cujo método de produção e envelhecimento, ainda é mantido pelos sucessores, sendo referência em todo o país como sinônimo de qualidade e autenticidade.

O Decreto Municipal nº. 3.728/2006, reconhece a marca Havana como ícone da cachaça salinense, com o título de Patrimônio Cultural Imaterial de Salinas em face de sua reconhecida história, qualidade e notoriedade no mercado brasileiro e no exterior. "Salinas deve muito a Anísio Santiago, por tudo que fez por ela, e este momento solene simboliza apenas um modesto reconhecimento em face a tudo que ele merece", ressalta o prefeito salinense.

Comentários

  1. É muita falta do que fazer. Esse busto ficou 6 anos instalado na praça. É o nosso dinheirinho indo embora.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Dois meses depois de sair da cadeia, homem é preso

Gustavo Lima fará show em Taiobeiras