Retiro elimina Rio Pardo nos pênaltis e está na final

Allef marca o último pênalti e garante Retiro na final pela 3ª vez

A disputa de uma das Semifinais da Copa Folha Regional, entre as seleções de Retiro x Rio Pardo, foi marcada pelo alto nível técnico das duas seleções. Foram dois jogos eletrizantes, com belas jogadas e muita velocidade.

No Jogo de ida, em Santo Antonio do Retiro, o equilíbrio prevaleceu durante toda a partida, com boas oportunidades para as duas seleções. Empurrada pela torcida, a seleção de Retiro partiu para o ataque e conseguiu abrir o placar com gol do meia Bimba. Mesmo pressionada, a seleção de Rio Pardo, sempre jogando em velocidade, conseguiu empatar o jogo com o artilheiro Toninho, que completou jogada na linha de fundo e marcou o seu 11º gol na competição. Jogando em casa, Retiro tentou a vitória de todas as maneiras, mas o atacante Geno errou uma cobrança de pênalti e Rio Pardo conseguiu esfriar o jogo e segurou o empate em 1x1.

No jogo de volta, em Rio Pardo de Minas, no último sábado, dia 25, os atletas das duas seleções proporcionaram outra grande partida do futebol amador. No início, as duas seleções criaram poucas oportunidades de gols, pois a marcação estava acirrada, mas aos poucos as jogadas foram surgindo e os goleiros Ito, de Rio Pardo e Gel, de Retiro, tiveram muito trabalho.

A melhor oportunidade do 1º tempo aconteceu aos 30 minutos, quando o meia Kauzim roubou a bola e armou belo contra-ataque com Felipe, que deixou Bin na cara do gol, mas Gel fez ótima defesa no chute rasteiro e no rebote Felipe chutou por cima.

Aos 40 minutos, quando Retiro estava com um a menos em campo, pois o atacante Geno havia saído machucado, a seleção de Rio Pardo fez linda tabela entre Felipe e Vitor, que chutou no canto e abriu o placar: 1x0 para o delírio da torcida.

Aos 45, após cobrança de falta, o zagueiro Tiago, livre de marcação, errou a cabeçada sozinho dentro da pequena área, perdendo incrível oportunidade de ampliar o placar. Logo após, foi a vez de Vitor errar chute de dentro da grande área.

No 2º tempo, em desvantagem no placar, a seleção de Retiro mostrou ótimo preparo físico e partiu em busca do empate. Logo aos 2 minutos, o zagueiro Rodrigo acertou um chutaço no ângulo, mas Ito fez linda defesa, jogando a bola para escanteio.

Retiro pressionava, mas Rio Pardo se defendia bem e levava perigo nos contra-ataques. Aos 6, Kauzim fez boa jogada na linha de fundo e cruzou para Som, que cabeceou muito fraco e ficou fácil para Gel.

Aos 8, Warley fez boa jogada, mas chutou pra fora, perdendo grande oportunidade de empatar o jogo. A seleção de Retiro atacava muito, principalmente pelas pontas, até que, aos 33 minutos, depois de falha do zagueiro Tiago, que não conseguiu afastar o perigo, a bola sobrou livre para o baixinho Edimário empatar o jogo com gol de cabeça.

O jogo continuava lá e cá, mas terminou em 1x1 e a decisão foi para os pênaltis. Na série de 5 cobranças, Rio Pardo marcou com Lucas, Fábio, Diego e Jordan. Apenas o meia Som errou. Pelo lado de Retiro, Warley, Vonim, Eré e Edimário converteram as penalidades, mas o meia Bimba errou a 5ª cobrança e a disputa continuou. Nas cobranças alternadas, o atacante Virgílio, que tinha entrado no 2º tempo, chutou por cima do gol, já o zagueiro Allef, cobrou com tranquilidade e garantiu Retiro na disputa da final pela 3ª vez. A vibração foi intensa e as lágrimas foram inevitáveis.



Comentários

Mais lidas da Semana

Seis pessoas de Rio Pardo de Minas morreram em acidente na BR-251

Acidente grave deixa mortos e feridos na BR-251

Já são oito mortos e 53 feridos em acidente na BR-251