Cebolinha votou em Lorão (Chapa A)

Acirrada eleição para presidente da Câmara de Rio Pardo foi decidida com misterioso voto
Folha Regional flagra o voto do vereador Cebolinha na Chapa A, encabeçada por Lorão
Na eleição para presidente da Câmara de Rio Pardo de Minas, ocorrida na noite de segunda (16), um dos vereadores do bloco que lançou Lorão (Chapa A) para presidente acabou votando na Chapa B, encabeçada pelo vereador Tuchinha, candidato apoiado pelo prefeito Jovelino Pinheiro.

Antes de começar a votação, o vereador Lorão tinha cinco votos: Cebolinha (PTB), Paulo de Helenice (PMN), Flávio Colares (PSC), Gera do Salão (PMDB) e Cléssio de Serra Nova. Já o vereador Tuchinha tinha quatro votos: Donizete do Traçadal (PRTB), Gilvânio (PP), Nego da Prata (PRTB) e Jacqueline (PRTB).

Mas, após a apuração, o resultado apontou o vereador Tuchinha com seis votos e Lorão com apenas cinco. A vibração de Tuchinha e das pessoas ligadas à Administração Municipal foi enorme.

Com isso, todos os presentes passaram a fazer a mesma pergunta: Quem traiu Lorão e elegeu Tuchinha?

Através de fotografia, o Jornal Folha Regional livra o vereador Cebolinha de qualquer suspeita. No momento do depósito do voto na urna, ele foi clicado com a cédula assinalando “Chapa A”.


Comentários

  1. "Vergonha! Vereadores vcs não me representam!"

    ResponderExcluir
  2. Que diferença faz ganhar A ou B? A representatividade política de qualquer um deles não significa absolutamente nada para o município. Eu gostaria que essa "manezada" entendesse que terno e gravata foram criados para pessoas de respeito, e que impõem respeito.

    ResponderExcluir
  3. Agora vem todos os riopardenses se fazem duas perguntas: quem e o traira ? Quanto se vendeu?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Seis pessoas de Rio Pardo de Minas morreram em acidente na BR-251

PRF apresenta versão oficial do acidente

Já são oito mortos e 53 feridos em acidente na BR-251