STF cria comissão para monitorar processos contra jornalistas

Ministra Cármen Lúcia garante a liberdade de Imprensa no Brasil
A Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia anunciou na quarta (03/05), a instalação de uma comissão do Fórum Nacional do Poder Judiciário e Liberdade de Imprensa, do CNJ.

Segundo ela, hoje, o Brasil não é um País que garante livremente o exercício do jornalismo, entretanto, ao menos no Poder Judiciário, é preciso dar ampla eficácia à Constituição, que garante o trabalho do jornalista de informar o cidadão e promover uma cidadania informada.

Quero apurar isso melhor, para saber quais são os problemas que são gerados com a Constituição que garante tão amplamente liberdades, inclusive a liberdade de imprensa, com um texto que não necessita de grande intervenção para ser interpretado. É proibido qualquer tipo de censura e, no entanto, continua haver censura e jornalistas que não podem exercer os seus diretos”, disse.

A decisão breca o avanço de políticos corruptos e de autoridades incompetentes contra os jornalistas, principalmente no interior do País, onde os órgãos de defesa são ausentes.

Comentários

  1. Lula diz que se eleito irá regulamentar os meios de comunicação

    Leia mais: https://oglobo.globo.com/brasil/lula-diz-que-se-eleito-ira-regulamentar-os-meios-de-comunicacao-21303658#ixzz4gWDDMrpS
    stest

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais lidas da Semana

Seis pessoas de Rio Pardo de Minas morreram em acidente na BR-251

Acidente grave deixa mortos e feridos na BR-251

Já são oito mortos e 53 feridos em acidente na BR-251